Resenha: Cinquenta Tons Mais Escuros

#Babado

Ótima maneira de começar o post com essa tag! Sim esse filme me surpreendeu, e não só a mim, ao meu namorado também, ele simplesmente não gostou nadinha do primeiro e confesso que achei que ficou bem a desejar, mas o segundo foi simplesmente maravilhoso e ao meu ver muito igual ao livro, ao qual foi o meu preferido dos três!

Assistimos por acaso, resolvemos ir ao shopping e lá resolvermos ver o que não me arrependi nada, pois simplesmente amei ❤. Então vamos lá a resenha.

SinopseIncomodada com os hábitos e atitudes de Christian Grey (Jamie Dornan), Anastasia (Dakota Johnson) decide terminar o relacionamento e focar no desenvolvimento de sua carreira. Ele, no entanto, não desiste tão fácil e fica sempre ao seu encalço, insistindo que aceita as regras dela. Tal cortejo acaba funcionando e ela reinicia o relacionamento com o jovem milionário, sendo que, aos poucos, passa a compreender melhor os jogos sexuais que ele tanto aprecia.

Título original: Fifty Shades Of Grey 2: Fifty Shades Darker
Distribuidor: Universal Pictures
Ano: 2017
Direção: James Foley
Gênero: Romance, Drama, Erótico

Resenha: O filme já começa a mil por hora, Christian manda flores para Ana lhe desejando um bom dia no novo trabalho, logo de começo já da para perceber que seu novo patrão está mais interessado em outras coisas do que no simples fato de Ana ser uma boa profissional, mas isso não vem ao caso ainda. Logo Grey entra em ação e marca um encontro com Ana, tentando fazer com que ela volte.

Simplesmente amei o retorno dos dois, logo no inicio há uma cena na cozinha em que ambos conversam e cozinham juntos, não há nada demais, mas torna aquilo que agora os une ainda mais forte e passa a ser claro o que eles sentem um pelo outro, o amor (suspiros). As cenas vão se envolvendo cada vez mais e deixando mais nítido o que todos já sabem, ele realmente está mudado por conta de Ana e que ela se tornou maior que qualquer trauma dele.

As cenas quentes se envolvem com cenas completamente perturbadoras, Leila a antiga submissa de Grey retorna disposta a acabar com Ana, mas suas inimigas são se resumem apenas em uma garota maluca que precisa de tratamento, mas sim em alguém pior que fez parte no passado de Grey e que ele considera alguém importante.

Elena aparece com tudo percebendo que finalmente alguém conseguiu mudar Christian, e tenta mostrar a Ana que ele jamais ira mudar que tudo isso é apenas questão de tempo, para que ele volte a ser aquele sadomasoquista que ela por partes não gosta, isso fica nítido no primeiro filme, já que no final Ana o deixa pelo modo que é tratada e por ele ter sentido prazer em vê-la sentir dor.

Mas da mesma forma que ele quer ser melhor para ela, Ana tenta aos poucos entender quem é Christian e na verdade, por trás de traumas e muito erotismo, existe um homem que precisa de carinho e afeto, o que ela consegue lhe proporcionar completamente. Ela passa a ser tudo o que ele sempre quis, lhe dando além do que ele se julga necessário, mais ainda o amor que jamais sentiu antes.

Eu quero muito fazer isso dar certo. Na verdade, nunca quis tanto uma coisa quanto eu quero isso.

Ana quase sofre um abuso causado pelo (babaca) do seu chefe, Jack, mas ela consegue fugir e Christian consegue com que ele seja demitido e no final das contas Ana mostra sua capacidade em uma reunião e consegue o lugar dele na empresa.

As cenas mais fortes ficam por conta dos dois em momentos completamente inusitados, restaurante, elevador, quarto, mas tudo com um certo envolvimento que deixa claro que aquilo para ele não é mais apenas por necessitar, e sim que ela Anastasia se tornou a sua necessidade.

As cenas de ação são completamente bem feitas e eu simplesmente amei o acidente que Christian e sua assistente sofrem, ficou realista e uma cena intensa onde mostra a dor de todos achando que o perderam.

Apenas Christian Grey poderia soar calmo e ameaçador ao mesmo tempo!

No final de tudo ele pede Ana em casamento e ela o responde de uma forma que achei completamente fofa, isso cria uma delicadeza na cena, e um afeto entre os dois maravilhoso.

Impossível ficar contando cada parte, pois eu contaria o filme todos, aos que não leram os livros, mas querem assistir, podem fazer porque simplesmente vale muito a pena, mas depois leiam, que ainda acho que o livro consegue ser mais intenso ainda.

Cena fav: tapão que Grace da em Elena! 

Definitivamente esse filme é completamente o meu preferido (por enquanto) não vejo a hora de lançar o último, pois o final nos da aquele gostinho de quero mais! Posso dizer que de 0 a 10, me surpreendendo com isso, eu dou 10! As atuações de Dakota e Jamie me deixaram supreendida, eu simplesmente amei demais! Vale muito a pena assistir.

E vocês já assistiram? Beijinhoos e até mais!  ❤

TALVEZ VOCÊ GOSTE ❤

29 comentários

  1. Eu assisti o primeiro filme por curiosidade, mas não gostei, então também não pretendo ver o segundo, mas pelas resenhas que ando vendo por aí, parece que o filme tá arrasando, né? Todo mundo tá gostando!
    Um beijão,
    Gabs do likegabs.blogspot.com ❣

  2. Olá, Letícia.
    Eu pretendo assistir esse filme já que assisti o primeiro e não gosto de deixar coisas inacabadas. Mas não gostei dos livros e muito menos do Grey hehe. Mas que bom que gostou tanto.

    Prefácio

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *